Domingo, 22 de Maio de 2022
Geral Pelotas - RS

Milhares de peixes mortos aparecem na beira da praia do Laranjal, em Pelotas

Corvinas ocuparam quatro quilômetros da faixa de areia

10/01/2022 às 10h23 Atualizada em 10/01/2022 às 10h26
Por: Júnior Rafael Fonte: GZH
Compartilhe:
Foto: Maurício Kerchirne/3° BBM / Divulgação
Foto: Maurício Kerchirne/3° BBM / Divulgação

O surgimento de milhares de peixes mortos assustou os veranistas do Laranjal, em Pelotas, na manhã deste domingo (9). De acordo com o Corpo de Bombeiros, ao menos quatro quilômetros da orla ficaram tomados por corvinas. 

> Receba todas as notícias do Portal Acontece no RS no seu WhatsApp. Clique aqui.

Segundo o tenente Maurício Kerchirne, comandante dos guardas-vidas em Pelotas e São Lourenço do Sul, trata-se de uma espécie marítima trazida à Lagoa dos Patos pela água salgada do mar. Além das corvinas, também surgiram águas-vivas mortas na areia. Embora só tenham aparecido na beira da praia nesta manhã, os peixes já estariam mortos há mais tempo. 

— Muitos já estão entrando em estado de decomposição, exalando um odor desagradável — afirma Kerchirne.

Por enquanto, há duas especulações sobre a causa da mortandade. Conforme o oficial, os peixes podem ter sido largados na lagoa após pesca de arrasto por alguma embarcação clandestina ou então ficado presos em alguma enseada após o vento Nordestão empurrar de volta a água salgada de volta ao mar. 

— Desde ontem está ventando forte no sentido Porto Alegre-Pelotas, o que deixa a água doce novamente. Mas por enquanto não temos como saber a causa da morte — diz o tenente.

Apesar da presença dos animais mortos, o movimento no Laranjal é considerado bom nesse domingo, com muitas famílias aproveitando a tarde de sol na praia. Por precaução, os guarda-vidas têm orientado os veranistas a ocuparem o lado esquerdo da faixa de areia, onde há pelo menos seis quilômetros com acesso livre à água. A maior concentração de peixes está no lado direito, perto do trapiche.

> Receba todas as notícias do Portal Acontece no RS no seu WhatsApp. Clique aqui.

Pelotas - RS
Sobre o município Notícias de Pelotas - RS