Domingo, 25 de Julho de 2021 00:06
51 98419-1295
Polícia Canoas / RS

Polícia apreende R$ 125 mil em drogas que seriam vendidas em festas clandestinas no RS

Eventos aconteceriam na Região Metropolitana de Porto Alegre e no Litoral Norte.

30/03/2021 11h14
390
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Rádio Guaíba
Mais de dois mil comprimidos de ecstasy foram encontrados em depósito. Foto: Polícia Civil do Rio Grande do Sul/Divulgação
Mais de dois mil comprimidos de ecstasy foram encontrados em depósito. Foto: Polícia Civil do Rio Grande do Sul/Divulgação

Um depósito onde eram armazenadas drogas para venda em festas clandestinas no Rio Grande do Sul foi localizado por agentes da Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (30), em Canoas. Segundo a corporação, o local era a base de um grupo que atua em Porto Alegre e na Região Metropolitana.

Mais de 2,3 mil comprimidos de ecstasy, popularmente conhecido como “doce”, foram recolhidos pelas autoridades. Também foram encontrados 13kg de maconha, 383 gramas de cocaína e 263 gramas de crack. As drogas, avaliadas em aproximadamente R$ 125 mil, seriam comercializadas por um montante equivalente a R$ 300 mil.

A principal hipótese é de que os entorpecentes seriam distribuídos nesta semana, antecipando a realização de festas clandestinas no feriado da Páscoa – tanto em áreas rurais da Região Metropolitana, quanto no Litoral Norte. Tais aglomerações permanecem sendo monitoradas pela polícia.

“É importante destacar que, além do tráfico organizado que foi desarticulado, também foi prejudicada a realização dessas festas. Agora, o objetivo descobrir a localização de onde ocorreria os eventos e identificar os organizadores”, afirma o delegado Mario Souza, responsável pela 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana.

Os agentes desconfiam que as drogas sintéticas teriam sido importadas do interior. Além dos entorpecentes, foram apreendidas três balanças de precisão e materiais que seriam utilizados como embalagens.

> Receba todas as notícias do Portal Acontece no RS no seu WhatsApp. Clique aqui.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.