Terça, 19 de Outubro de 2021
Saúde Alegrete / RS

Alegrete (RS) vacina veterinários e educadores físicos antes de idosos

Aqueles que estão fora de asilos ou instituições de longa permanência ainda não foram imunizados contra a Covid-19 no município.

09/02/2021 às 19h43
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Metrópoles
Compartilhe:
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

A Prefeitura de Alegrete, no Rio Grande do Sul, iniciou a vacinação de veterinários e educadores físicos na campanha de vacinação contra a Covid-19.

O município alega que já vacinou todos os profissionais da saúde da linha de frente e idosos que vivem em asilos. No entanto, os que não vivem em casas de repouso ou asilos ainda não foram imunizados. As informações são do portal G1.

Plano Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde compreende os trabalhadores da saúde como prioritário. De acordo com a pasta, profissionais dessa área são “todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam eles hospitais, clínicas, laboratórios e outros locais”.

Além de médicos e enfermeiros, a Saúde considera veterinários, educadores físicos, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos e assistentes sociais como profissionais da área.

Ao portal G1, a secretária de Saúde de Alegrete, Haracelli Fountoura, afirmou que veterinários e educadores físicos são, de acordo com a resolução 218 da Saúde, profissionais da área. Por isso, foram vacinadas.

A reportagem procurou a Prefeitura de Alegrete para justificar a razão pela qual os veterinários e educadores físicos foram vacinados antes dos idosos que não vivem em asilos ou casas de repouso, mas não obteve retorno.

Em nota, o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS) afirmou que pediu explicações à prefeitura de Alegrete, mas ainda não obteve resposta formal. Segundo o órgão, o formulário de denúncias de casos de irregularidades na vacinação no estado teve 487 relatos. Desses, 46 casos estão sendo investigados.

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Alegrete - RS
Sobre o município Notícias de Alegrete - RS