Domingo, 17 de Janeiro de 2021
51 98419-1295
Geral Porto Alegre

Obras da segunda ponte do Guaíba: mais 300 trabalhadores são demitidos

Desmobilização de canteiro da Queiroz Galvão resultou em desligamento dos funcionários.

12/01/2021 15h28
219
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Rádio Guaíba
Foto: Marcos Corrêa / PR / Divulgação / CP
Foto: Marcos Corrêa / PR / Divulgação / CP

Após a inauguração da segunda ponte do Guaíba, mesmo que as obras não tenham sido totalizadas, o ritmo atual é de interrupção dos trabalhos. Com isso, de um total de 372 trabalhadores no canteiro de obras, cerca de 300 já foram demitidos.

Em razão da difícil negociação relativa à transferência das famílias que moram nas vilas Areia e Tio Zeca, a obra está paralisada e a construtora Queiroz Galvão deve desmontar o canteiro de obras. Ainda falta a construção das alças de acesso nesses trechos. Um dos acessos que ainda não está liberado é o de quem segue pela avenida Castello Branco e pretende se dirigir a Eldorado do Sul.

Cerca de 60% dos trabalhadores não do Estado e devem voltar para casa, estima o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada do Rio Grande do Sul, Isabelino Garcia dos Santos. “Não há obras grandes de infraestrutura no Estado. A única obra grande é a BR-116, mas o Exército tomou conta. O caminho é seguir para a construção civil”.

As obras começaram em outubro de 2014 e deveriam ter ficado prontas em 2017. Em dezembro, o presidente Jair Bolsonaro esteve no Estado para inaugurar a obra incompleta.

Ao ser questionada sobre as desapropriações, o Departamento Nacional de Infraestrutura (DNIT) informou que ajuizou na Justiça Federal, no final de 2020, 59 processos dando a largada para a retomada do reassentamento.

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Notícias de Porto Alegre - RS