Segunda, 19 de Outubro de 2020
51 98419-1295
Geral Porto Alegre

Obras inacabadas da Copa do Mundo de 2014 serão concluídas até 2021 em Porto Alegre

Prefeitura afirmou que quatro obras foram concluídas e outras quatro estão em andamento na Capital.

13/10/2020 15h43
145
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Correio do Povo
Quatro obras seguem em andamento em Porto Alegre | Foto: Guilherme Almeida
Quatro obras seguem em andamento em Porto Alegre | Foto: Guilherme Almeida

As obras inacabadas da Copa do Mundo de 2014 em Porto Alegre poderão ter finalmente uma solução a partir de 2021. Muitas das obras não conseguiram ser terminadas durante a disputa do Mundial na Rússia, em 2018. A Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim) trabalha atualmente com a conclusão de quatro obras - uma para este ano (a trincheira da avenida Cristóvão Colombo, no mês de novembro) e três para 2021 - avenida Severo Dullius, corredor de ônibus da avenida João Pessoa e a rua José Pedro Boésio.

O prolongamento da avenida Severo Dullius é de extrema importância para a mobilidade urbana da zona Norte e para a questão logística das empresas que atuam na região. A circulação de veículos está proibida na Severo Dullius e foram colocados obstáculos para que isso não ocorra. O acesso permitia que os motoristas que estivessem no Porto Alegre Airport- Aeroporto Internacional Salgado Filho utilizassem a via para acessar as avenidas Sertório e Assis Brasil.

Na manhã desta terça-feira, no cruzamento da rua Sérgio Jungblut Dieterich com a avenida Sertório, o motorista Carlos Miranda, residente na avenida Assis Brasil, disse que a obra vai facilitar quem precisa chegar na BR 116 e também na BR 290, a Freeway. Porém, ele frisou que não consegue entender porque os prazos das obras não são cumpridos no Brasil. "É uma pena porque a via é de extrema importância e vai agilizar quem precisa chegar nas rodovias federais" ressaltou.

Funcionário de uma empresa logística, Fernando Maciel, disse que o prolongamento vai facilitar em muito a vida de quem pretende chegar na BR 116. "Não precisava ter demorado tanto para sua conclusão", explicou. Os motoristas que trafegam pela avenida dos Estados e pela BR 116 e querem chegar na avenida Sertório poderão utilizar a via para encurtar o trajeto. A mesma situação ocorre no sentido contrário, com os condutores que estão nas avenidas Assis Brasil e Sertório e desejam chegar no aeroporto e na BR 116. 

Também na zona Norte de Porto Alegre, mas na fase final de conclusão, está a trincheira da avenida Cristóvão Colombo com 200 metros de extensão. Segundo a Smim, é necessário realizar o fechamento dos acessos das ruas General Couto de Magalhães e Marques do Pombal, o preenchimento de meio fio no corredor de ônibus e a finalização da sinalização. O prazo contratual de entrega da obra está marcado para o mês de novembro deste ano.

No outro lado da cidade, na zona Sul de Porto Alegre, os moradores da avenida Tronco aguardam ansiosamente pelo término das obras de duplicação, que conforme a Smim, deverá ocorrer somente em agosto de 2021. Na rua Manoel Lobato, o técnico em informática Cléber Moraes disse que espera que a conclusão dos trabalhos ocorra mesmo em 2021. "Tomara que a prefeitura consiga terminar a obra no próximo ano. A via é importante para a circulação na zona Sul da Capital", acrescentou. A duplicação da avenida Tronco, que abrange os bairros Teresópolis, Cristal e a Vila Cruzeiro do Sul, tem extensão de 6,2 quilômetros. A obra começou em maio de 2012 e deveria estar pronta para a Copa do Mundo de 2014. 

Além da duplicação da avenida Tronco estão previstas a implantação de ciclovia, passeios em concreto, muros de arrimo e fechamento, novas redes de drenagem pluvial com duas bacias de amortecimento, esgoto cloacal, distribuição de água, energia elétrica e iluminação pública. Também estão previstas nova sinalização vertical, horizontal e semafórica e plantio de árvores ao longo da via. Cada pista a ser construída nos trechos 1 e 2 tem uma extensão aproximada de dois quilômetros, e nos trechos 3 e 4, de 4,3 quilômetros.

Quatro obras da prefeitura em andamento

A Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Smim) informou que, em 2017, eram oito obras da Copa do Mundo de 2014 paralisadas por problemas de projeto ou falta de recursos financeiros em Porto Alegre. Na busca por retomar as paralisadas e avançar nas que estão em andamento, o Executivo municipal solucionou entraves financeiros e jurídicos. Dessa forma, todas as obras  paralisadas foram retomadas. Até o momento, são quatro obras concluídas (corredor de ônibus da avenida Protásio Alves; infraestrutura e pavimentação da rua Ernesto Neugebauer; trincheira da Anita Garibaldi e trincheira da avenida Ceará). Quatro estão em andamento (duplicação da avenida Tronco, corredor da avenida João Pessoa, infraestrutura e pavimentação da rua José Pedro Boésio e trincheira da Cristóvão Colombo, que está em fase final e será entregue no início de novembro deste ano.

A trincheira da avenida Cristóvão Colombo está em fase final. Restam ainda trabalhos para serem realizados como: ajustar acessos das ruas General Couto de Magalhães e Marques do Pombal, fechamento dos cruzamentos nos corredores de ônibus e finalizar a sinalização. A obra está 98% concluída e deve ser entregue dentro do prazo do contrato que é novembro de 2020. Na obra da avenida Tronco, que está em andamento, a Smim informou que restam 15 desapropriações para serem realizadas. Os trechos 1 e 2 estão 40% concluídos e há passagem por serviços de terraplanagem, drenagem e execução de muros de fechamento. Os trechos 3 e 4 passam por terraplanagem, muros de fechamento e pavimentação. 47% da obra nos trechos estão finalizados. A previsão de entrega da obra é agosto de 2021.

Na avenida Severo Dullius, também em andamento, são realizados atualmente os serviços de terraplenagem e execução de base de brita. Nos próximos dias, começam os serviços de colocação de meio-fio, galerias pré-moldadas e finalização da rotatória de encontro da avenida Severo Dullius e a rua Dona Alzira. A obra está 58% concluída e a previsão de entrega é agosto de 2021. Na rua José Pedro Boésio, em andamento, a construção passa por serviços de terraplanagem, escavação, drenagem e pavimentação em alguns pontos. Os trabalhos estão 38% concluídos e a previsão de entrega é de agosto de 2021.

No corredor de ônibus da avenida João Pessoa, os trabalhos estão em andamento. Na estação Vavá, na frente dos prédios das faculdades de Direito e de Economia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) já foi concluída a terraplanagem e pavimentação das placas de concreto e a instalação das new jerseys. A estrutura aguarda a pintura da sinalização definitiva e instalação dos gradis. Na Estação Jornal do Comércio, a terraplanagem foi concluída nos locais bloqueados. Está em execução, a pavimentação em placas de concreto que deve terminar em até 15 dias. Depois, os trabalhos serão na estação shopping João Pessoa. O total da obra é de 30% de conclusão e a previsão de entrega é para maio de 2021.

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.