Segunda, 20 de Setembro de 2021
32°

Muitas nuvens

Teresina - PI

Polícia Gramado / RS

Brigada Militar prende mulher por extorsão mediante sequestro em Gramado

Autora de 27 anos tentou extorquir o próprio pai.

23/03/2021 às 11h57 Atualizada em 23/03/2021 às 12h04
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Rádio Ativa - Nova Prata
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Na noite de segunda-feira (22/03), a rápida ação da Brigada Militar teve êxito na prisão de uma mulher que articulou o próprio sequestro com o intuito de extorquir dinheiro do pai, para pagar dívidas relacionadas a drogas.

Por volta das 22 horas, a Brigada Militar de Canela foi acionada para atender ocorrência de extorsão mediante sequestro. Conforme o comunicante, ele recebeu mensagens via aplicativo no celular, onde a filha estaria em cárcere privado, inclusive sendo enviada foto com ela amarrada e ainda sob a ameaça de uma faca.

As guarnições de serviço da BM de Canela, juntamente com as guarnições da Força Tática, realizaram o planejamento da operação para proceder o resgate da vítima.

Os “criminosos” exigiam dinheiro para liberar a “vítima” e tinham pressa. A família estava bastante desesperada. Depois de muitas ameaças, foi estipulado o valor e o local onde seria entregue o resgate.

Já na madrugada de terça-feira, por volta das 03h30, o carro que foi buscar o valor do resgate, foi abordado na Avenida Central em Gramado.

Na carona do veículo, transporte de aplicativo, estava a suposta vítima, filha sequestrada, porém ela havia ido buscar o valor, sendo desmascarada toda a farsa. Ela articulou todo o falso sequestro para extorquir o próprio pai.

A autora de 27 anos, confessou ser viciada em drogas e que estava devendo dinheiro para traficantes locais. Ela foi presa em flagrante e encaminhada a delegacia. Não se descarta a participação de seu marido no crime, mas o mesmo não foi encontrado.

Major Márcio Fernandes, subcomandante do 1º BPAT, destaca a pronta resposta desencadeada pelas guarnições de serviço. Diante da comunicação desesperada feita pelo genitor da suposta vítima, a polícia militar não poderia se furtar ao dever de dar o devido encaminhamento que o caso requeria. De maneira coordenada, as guarnições conseguiram deslindar a farsa, redundando na prisão da autora.

Fonte: Rádio Ativa - Nova Prata

> Receba todas as notícias do Portal Acontece no RS no seu WhatsApp. Clique aqui.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Gramado - RS
Sobre o município Notícias de Gramado - RS