Quarta, 12 de Agosto de 2020
51 98419-1295
Polícia Carazinho / RS

Jovem é morto a tiros em Carazinho

A mulher e a criança que estavam com a vítima no momento do crime não se feriram.

15/01/2020 10h03
268
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Rádio Uirapuru
Créditos: Arquivo Pessoal
Créditos: Arquivo Pessoal

Um jovem de 23 anos foi alvo de disparos de arma de fogo no final da tarde desta terça-feira, 14, em Carazinho. Ele foi alvejado na cabeça e morreu no Hospital de Caridade daquela cidade.

Conforme informações divulgadas sobre o fato, Yuri Carvalho Santana estava em uma GM/Blazer acompanhado por sua esposa e uma criança de três meses quando foi alvejado. Testemunhas relataram que os disparos foram efetuados de dentro de outro automóvel que passou pelo local.

Santana chegou a ser socorrido pelos bombeiros e foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A polícia investigará o caso. Este foi o primeiro homicídio registrado em Carazinho em 2020.

A mulher e a criança que estavam com a vítima no momento do crime não se feriram.

Prisão dos suspeitos

A polícia prendeu suspeitos de ter matado o jovem Yuri Carvalho Santana no final da tarde desta terça-feira, 14 em Carazinho.

Após denúncia via 190, que dava conta de que os suspeitos do crime estavam em uma residência cercada por uma muralha na rua David Canabarro, os policiais deslocaram até o endereço e fizeram o cerco no local. Quando perceberam que estavam cercados os suspeitos tentaram se desfazer do armamento que possivelmente foi usado no crime jogando por cima do muro uma espingarda calibre 12 municiada, uma pistola calibre 380 modelo PT58HC sem registro, uma pistola calibre 380 modelo 809c com numeração raspada, 66 munições calibre 380, 29 munições calibre 38, um DVR , três aparelhos celular, toucas ninja e outros materiais.

Ao todo sete indivíduos foram detidos na residência e encaminhados a Delegacia de Polícia. A mulher que estava com Yuri Carvalho Santana reconheceu ao menos dois adultos e dois adolescentes como autores do homicídio. Eles foram autuados por homicídio qualificado, porte ilegal de arma e organização criminosa.

Quer fazer parte do grupo do portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Curta também nossa página no Facebook, assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

Acontece no RS no Facebook: https://www.facebook.com/acontecenors

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.