Quarta, 21 de Abril de 2021 00:55
51 98419-1295
Brasil Brasil

Ernesto Araújo recebe ordem para colocar máscara em Israel

Determinação aconteceu quando chanceler brasileiro iria tirar foto oficial com ministro dos Negócios Estrangeiros israelense

07/03/2021 15h30
69
Por: Redação Acontece no RS Fonte: R7
Araújo também terá reunião com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu - (Foto: Reprodução)
Araújo também terá reunião com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu - (Foto: Reprodução)

O chanceler brasileiro, Ernesto Araújo, teve que colocar máscara após receber uma ordem durante uma reunião com o ministro dos Negócios Estrangeiros de Israel, Gabi Ashkenazi, neste domingo (7).

A determinação aconteceu enquanto os dois se preparavam para uma foto oficial. É possível ouvir em um vídeo quando o chefe do cerimonial fala para Araújo "nós precisamos que coloque a máscara".

Sem jeito, o ministro ri e pega a máscara do bolso, antes de se aproximar de Ashkenazi, que já estava usando a proteção facial.

Além disso, a comitiva brasileira já havia sido repreendida ao entrar na sala por não respeitar o distanciamento entre as cadeiras.

Araújo viajou a Israel acompanhado de outras nove pessoas, incluindo os deputados federais Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e Hélio Lopes (PSL-RJ).

Inicialmente, a visita tinha o propósito de trazer ao país os estudos de um spray nasal contra covid-19, ainda em estágio inicial nas pesquisas em Israel.

No entanto, outros compromissos foram marcados para os dois dias em que a delegação brasileira estará no país.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, "a visita tem o objetivo de dar seguimento ao diálogo político e à cooperação científica e tecnológica entre os dois países".

O encontro com o ministro Gabi Ashkenazi teve como pauta o relacionamento bilateral Brasil-Israel. Amanhã, o chanceler vai encontrar o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.

Outras visitas a locais de pesquisas sobre a covid-19 também estão previstas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.