Quinta, 19 de Maio de 2022
Geral São Borja / RS

Rio Uruguai começa a baixar em São Borja

Elevação das águas deixa 14 famílias de casa, duas delas abrigada no Ginásio Dr. Cleto Dória Azambuja

08/05/2022 às 21h11
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Correio do Povo
Compartilhe:
Além de casas, cheia atinge quiosques e bares no cais do porto de São Borja | Foto: Moacir Tiecher / Divulgação / CP
Além de casas, cheia atinge quiosques e bares no cais do porto de São Borja | Foto: Moacir Tiecher / Divulgação / CP

O rio Uruguai começou a baixar neste domingo e, às 17h45min, media 10,75 metros. Neste final de semana, parou de chover na cabeceira do rio na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Conforme o coordenador da Defesa Civil da cidade, Moacir Tiecher, o pico da enchente foi às 3h deste domingo, com 10,86 m. 

Foram atingidos o palco, 14 quiosques e cinco bares do cais do porto e removidas 14 famílias. Duas delas estão no Ginásio Dr. Cleto Dória Azambuja, quatro optaram por acampar próximo às moradias atingidas e as oito restantes estão em casas de parentes ou amigos. Houve distribuição de cestas básicas e acompanhamento das necessidades dos núcleos por equipes da Defesa Civil. No interior do município três estradas ficaram interrompidas: Salso, Estiva e Santa Luzia.

Em Itaqui, o rio chegou a 8,77 metros no fim da tarde deste domingo, crescendo lentamente. Conforme o coordenador da Defesa Civil, Valdemarino Amaral, foram realocadas 14 casas volantes, preventivamente, para pontos mais altos da área ribeirinha. Todas estão sendo assistidas pelos serviços municipais. O ginásio Castelo Branco está preparado caso seja necessário abrigar famílias.

Já em Uruguaiana o domingo de sol amenizou as dificuldades. Conforme Paulo Woutheres, coordenador da Defesa Civil, quatro famílias, dos bairros Santo Antônio e Mascarenhas de Moraes, foram removidas para o Ginásio Esportivo Zona Leste. O Uruguai na cidade media 8,41 m no fim da tarde, também subindo.

Em Alegrete, o Ibirapuitã mede agora 1,70, dentro da caixa usual. Dos seis abrigos municipais montados, quatro foram desativados e os ocupantes dos dois restantes retornarão para casa nesta segunda-feira, com o apoio do Exército. Ao todo, restam 15 famílias para retornar, sendo 13 no ginásio Oswaldo Aranha e duas no Macedo. A cheia chegou a atingir 2,3 mil pessoas em Alegrete.

> Receba todas as notícias do Portal Acontece no RS no seu WhatsApp. Clique aqui.

São Borja - RS
Sobre o município Notícias de São Borja - RS