Nova Santa Rita / RS

Possível ataque à escola de Nova Santa Rita é frustrado pela Polícia Civil

Adolescente foi identificado como mentor intelectual de atentado que ocorreria em outubro.

04/10/2019 22h44
Por: Redação Acontece no RS
Fonte: Correio do Povo
162
O nome do estabelecimento de ensino não foi divulgado por questão de segurança | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP
O nome do estabelecimento de ensino não foi divulgado por questão de segurança | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP

Um possível ataque a uma escola de Nova Santa Rita foi frustrado pela Polícia Civil. A informação foi divulgada na manhã desta sexta-feira e ainda indica que o mentor intelectual do crime seria um adolescente. O atentado estaria marcado para ocorrer durante o mês de outubro. A suspeita é de que seria usada uma arma branca. 

Policiais civis, liderados pelo delegado Mário Souza, tiveram apoio de integrantes da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Canoas, além do Departamento de Polícia da Região Metropolitana e do setor de inteligência do 15º Batalhão de Polícia Militar (BPM). 

Durante a ação foram apreendidas uma réplica de pistola, desenhos, DVDs, livros, revistas e suásticas, todos com temática nazista, além de foto do ditador chileno Augusto Pinochet e da autobiografia de Adolfo Hitler. Conforme Mário Souza, o trabalho investigativo monitorou o adolescente. Posteriormente, foram identificados “perfis em redes sociais que eram abastecidos com propaganda nazista, neonazista, Ku Klux Klan, manifestação xenofóbica e racista, além de farto material similar aparentemente ao ataque a escola que ocorreu em Suzano, em São Paulo”. 

Segundo Souza, a ação foi pontual para “frustrar de maneira rápida uma possível ação criminosa”. Para ele, “o material sobre o nazismo e a máscara apreendida chamaram a atenção”. O prosseguimento do caso ficará a partir de agora com o Ministério Público e Poder Judiciário. “Fizemos a nossa parte. O objetivo foi impedir a menor possibilidade de que um atentado pudesse acontecer. Não podíamos ser omissos”, resumiu, admitindo que será apurada uma eventual ligação ou não do adolescente com alguma organização neonazista. O nome do estabelecimento de ensino não foi divulgado por questão de segurança.

Quer fazer parte do grupo do portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Curta também nossa página no Facebook, assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

Acontece no RS no Facebook: https://www.facebook.com/acontecenors

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.