Segunda, 19 de Outubro de 2020
51 98419-1295
Polícia Santa Maria / RS

Corpo de dentista desaparecida é encontrado em Santa Maria

Bárbara era procurada desde sábado (10), quando foi de Tupanciretã, onde morava, para Santa Maria, a 90 km, em uma corrida de aplicativo.

14/10/2020 21h29
2.885
Por: Redação Acontece no RS Fonte: G1 RS
Local onde corpo foi encontrado foi isolado — Foto: Nádia Strate
Local onde corpo foi encontrado foi isolado — Foto: Nádia Strate

O corpo da dentista Bárbara Machado Padilha foi encontrado nesta quarta-feira (14), em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul. Ela foi localizada em uma área de mata, de difícil acesso, próximo de onde a Polícia fez buscas no dia anterior.

"Bárbara foi encontrada morta e parece, por ora, que se trata de um suicídio. A bolsa não foi encontrada", diz o delegado Sandro Meinerz. O Instituto Geral de Perícia foi acionado e os peritos fazem a necropsia no Posto Médico Legal, para confirmar a causa da morte.

Segundo o delegado, Bárbara tinha marcas de arranhão, provavelmente causadas pelos galhos, já que a mata na região é fechada. "O celular não foi encontrado. O último sinal de celular foi às 5h32 de domingo e foi nessa posição. Acreditamos que o celular ela perdeu na mata".

Polícia localizou corpo de Bárbara em uma área de mata fechada, em Santa Maria — Foto: Divulgação/IGP

Polícia localizou corpo de Bárbara em uma área de mata fechada, em Santa Maria — Foto: Divulgação/IGP

 

Corpo foi encontrado em mata próximo a rodovia — Foto: Divulgação/IGP

Corpo foi encontrado em mata próximo a rodovia — Foto: Divulgação/IGP

A dentista era considerada desaparecida desde sábado (10), quando foi vista pela última vez.

Bárbara morava em Tupanciretã, mas viajou até Santa Maria no sábado, a cerca de 90 km, com um carro de aplicativo. Imagens das câmeras de segurança mostram a dentista comprando uma garrafa de água e chocolates em uma loja de conveniência, após desembarcar. (veja abaixo)

"Ela poderia ter feito isso lá. Ela veio até aqui. Ela escolheu esse local", relata o delegado Sandro.

Segundo a Polícia Civil, Bárbara tinha clientes marcados até o final de novembro. A família percebeu que ela foi desmarcando unha, pilates, academias, ela vinha apresentando sintomas de quadro depressivo.

Antes da viagem, Bárbara atendeu pacientes e almoçou com os pais e o marido. A amiga Márcia Severo, que também a encontrou no dia, diz não ter notado nenhum comportamento incomum.

A cidade onde Bárbara residia decretou luto oficial de três dias. "Considerando o intenso envolvimento da comunidade no acompanhamento do caso, e também a proporção nacional que se formou sobre o desaparecimento de uma cidadã Tupanciretanense. O município de Tupanciretã decretou luto oficial por três dias, em sinal de pesar pelo falecimento da Dra. Barbara Machado Padilha, cirurgiã dentista".

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.