Quarta, 23 de Setembro de 2020
51 98419-1295
Polícia Soledade / RS

Sangue é encontrado em Gol suspeito de transportar corpo de Paula Perin Portes

Polícia Civil aguarda ainda laudo do Instituto-Geral de Perícias em Ford Fiesta onde também teriam colocado a jovem morta.

06/09/2020 21h29
531
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Correio do Povo
Carro foi apreendido no dia 8 de agosto com a prisão de dois envolvidos no crime em uma operação da Polícia Civil e Brigada Militar | Foto: Paulinho Paes / Tua Rádio Cristal / Divulgação / CP
Carro foi apreendido no dia 8 de agosto com a prisão de dois envolvidos no crime em uma operação da Polícia Civil e Brigada Militar | Foto: Paulinho Paes / Tua Rádio Cristal / Divulgação / CP

Encarregada do caso da morte de Paula Schaiane Perin Portes, 18 anos, a delegada Fabiane de Vargas Bittencourt revelou neste domingo à reportagem do Correio do Povo que vestígios de sangue foram encontrados no Volkswagen Gol, de cor vermelha, apreendido nas investigações. “O veículo em que foi localizado sangue foi o de um dos investigados que foi indiciado pelo homicídio qualificado”, explicou.

O automóvel foi submetido a exame de luminol por uma equipe do Instituto-Geral de Perícias. O próximo passo é fazer a comparação com o sangue coletado do corpo da jovem que pode ter sido transportado no carro. O Gol foi apreendido no dia 8 de agosto passado quando dois envolvidos no crime foram presos durante uma operação conjunta da Polícia Civil e da Brigada Militar em Soledade.

Já os laudos do exame de luminol realizado no Ford Fiesta, de cor branca, também suspeito de ser usado no transporte do corpo da jovem, ainda está sendo aguardado pela delegada Fabiane de Vargas Bittencourt. O Instituto-Geral de Perícias deve concluir o trabalho nos próximos dias. O Ford Fiesta havia sido localizado no dia 27 de agosto no estacionamento de um supermercado da cidade.

A delegada Fabiane de Vargas Bittencourt confirmou ainda que uma testemunha sobreviveu a uma tentativa de execução em julho. A vítima foi alvo de vários tiros em uma via pública da cidade, ficando ferida. O fato foi anexado ao inquérito policial, com cerca de 800 páginas, enviado ao Poder Judiciário no início deste mês.

Quatro indivíduos foram indiciados por homicídio qualificado, ocultação de cadáver e organização criminosa, além de um quinto por ocultação e organização criminosa. Um dos indiciados pelo assassinato permanece foragido, enquanto os outros três estão presos. Todos têm ligação com uma facção criminosa envolvida com tráfico de drogas e roubo de cargas de cigarros.

A motivação do assassinato não foi esclarecida. Os policiais civis desconfiam que a jovem, morta por asfixia através de um golpe mata-leão, saberia de algo sobre autores do crime e cujo conteúdo poderia estar no celular dela nunca encontrado.

Relembre o caso

Na noite de 10 de junho deste ano, Paula Schaiane Perin Portes estava em um apartamento com amigas e recebeu uma mensagem pelo WhatsApp para se encontrar com o principal suspeito agora foragido. Nas investigações, os policiais civis obtiveram imagens de câmeras de monitoramento que mostram a jovem chegando no local do encontro, no bairro Fontes, e sendo carregada inconsciente para dentro de um outro veículo, não identificado, já no início da madrugada do dia 11.

O corpo da jovem foi localizado enterrado em uma cova no dia 16 de agosto em uma área de mata fechada, de difícil acesso, na localidade do Rincão do Bugre, na zona rural do município. Dias antes, a Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros Militar realizaram duas buscas, com cão farejador, em um açude na comunidade da Margem São Bento, na zona rural do município. Houve o recolhimento na ocasião da bolsa da jovem, contendo a carteira de identidade da vítima, um cartão bancário em nome da mãe dela e um carregador de celular, entre outros itens.

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.