Terça, 04 de Agosto de 2020
51 98419-1295
Dólar comercial R$ 5,31 1.834%
Euro R$ 6,25 +1.688%
Peso Argentino R$ 0,07 +1.801%
Bitcoin R$ 63.402,93 -1.027%
Bovespa 102.829,96 pontos -0.08%
Economia RGE

Após término do prazo de suspensão, RGE retoma o corte de energia a partir de segunda

Com exceção dos clientes cadastrados na Tarifa Social (Baixa Renda), que não pode ser cortados por inadimplência até o final do ano.

30/07/2020 20h46 Atualizada há 4 dias
421
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Rádio Uirapuru
Créditos: Arquivo/Rádio Uirapuru
Créditos: Arquivo/Rádio Uirapuru

Após o término do prazo determinado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) para a suspensão do corte de energia de clientes residenciais, rurais e de atividades consideradas essenciais, as distribuidoras de energia voltam a ter possibilidade de interromper o fornecimento por falta de pagamento em todo o território nacional, com exceção dos clientes cadastrados na Tarifa Social (Baixa Renda), que não pode ser cortados por inadimplência até o final do ano.

A data para retomada dos cortes determinado pela ANEEL é 1º de agosto, sendo o primeiro dia útil para início dessa atividade o dia 03 de agosto. Para evitar a suspensão do fornecimento de energia, a RGE traz condições de pagamento diferenciadas dentro dos seus canais digitais e orienta que os clientes mantenham as contas em dia. Entre as novidades de pagamento apresentadas pela distribuidora, está o parcelamento por meio do cartão de crédito e boleto em até 12X, pagamento via Auxílio Emergencial e pagamento da fatura mensal por meio de cartão de crédito.

O pagamento da conta de energia por meio do cartão de débito virtual para quem recebe o Auxílio Emergencial do governo federal foi incorporada às opções de pagamento da distribuidora em seu site e App “CPFL Energia” como mais uma comodidade aos clientes que querem manter suas faturas em dia. Usando o cartão do Auxílio Emergencial, é possível quitar as faturas correntes ou até mesmo débitos vencidos no valor de no máximo R$ 1,2 mil. Por funcionar apenas na opção débito, não é possível que os valores sejam parcelados.

Os clientes que estiverem com uma ou mais contas em atraso também podem pagar e parcelar o crédito em aberto em até 12 vezes nos cartões de crédito Mastercard e Visa e, também, via boleto. Essa condição é exclusiva para pagamentos via canais digitais e é válida para um valor entre R$ 150 a R$ 18 mil em contas atrasadas. A empresa iniciou ainda, o atendimento via WhatsApp. Por meio do número (51) 3539-6791, os clientes podem comunicar falta de energia na sua residência, solicitar segunda via de conta, solicitar o código de barras e tirar dúvidas.

Fonte: Rádio Uirapuru

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.