Terça, 04 de Agosto de 2020
51 98419-1295
Trânsito Caxias do Sul / RS

Pisos táteis confundem trajeto de pessoas com deficiência visual em Caxias do Sul

Indicadores levam pessoas com visão debilitada para o meio da rua, ao invés da calçada.

27/07/2020 14h54
219
Por: Redação Acontece no RS Fonte: Pioneiro - Grupo RBS
Foto: Carolina Boff / Divulgação
Foto: Carolina Boff / Divulgação

Um alerta foi compartilhado nas redes sociais e causa preocupação, especialmente, para a comunidade cega em Caxias do Sul. Os pisos táteis, instalados pela prefeitura e que deveriam ajudar a pessoa com deficiência visual a atravessar a rua, na verdade causam perigo. 

Alguns dos pisos mostram indicações confusas, como pode ser conferido em ruas como a Andrade Neves, na esquina com a Vinte de Setembro; Venâncio Aires com a Vinte de Setembro e Bento Gonçalves. O alerta foi publicado pela fonoaudióloga Carolina Boff, que já atuou por um curto período de tempo na Associação dos Pais e Amigos dos Deficientes Visuais (Apadev).

— Infelizmente a maioria dos pisos que vi nas redondezas do Centro e Lourdes (bairro) estão ‘tortos’ e, ao invés de guiarem os cegos para atravessar a rua em segurança até o outro lado da via, orientam a ir para o meio da encruzilhada, literalmente — diz. 

Caroline pede que a comunidade registre a reclamação no Alô Caxias para que o problema possa ser revertido.  Contatada pela reportagem, a Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) não se posiciona sobre o assunto. Diz, por meio da assessoria de imprensa, que analisa a questão e que está em contato com entidades como a Apadev e o Instituto da Audiovisão (Inav).  

Conforme a pedagoga técnica em orientação e mobilidade do Inav, Glenda Lisa Stimamiglio, a entidade está ciente do problema e já acionou a pasta. Segundo ela, precisam ser feitos ajustes em alguns dos locais onde foram instalados, mas não em todos. 

— Observamos isso e contatamos a secretaria. Eles estão dispostos a reformar. É muito importante ter essa preocupação porque a pessoa pode se machucar, mas ressalto que a orientação ao cego é sempre pedir ajuda no momento de atravessar a rua — explica, ao citar que a norma a ser seguida dever ser a ABNT 9050. 

De acordo com Glenda, o Inav terá uma reunião com a SMTTM ainda esta semana para, juntos, tomarem as devidas providências.

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.