Segunda, 10 de Agosto de 2020
51 98419-1295
Geral Lagoa Vermelha / RS

Lareira não explodiu, afirma pai de menina que morreu após sofrer queimaduras em Lagoa Vermelha

Segundo o pai da adolescente, “a lareira não explodiu, e sim o tarro de álcool”.

09/07/2020 18h55
1.104
Por: Redação Acontece no RS Fonte: In Foco RS
 Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Um incêndio ocorrido no último sábado dia 4, acabou resultando na morte da menina Terluize Tozon Farias Teixeira, 12 anos. 

A adolescente e outras quatro pessoas ficaram feridas após a explosão provocada por etanol, ferindo as vítimas que estavam na garagem de uma residência no bairro Nunes, em Lagoa Vermelha.

Em entrevista nesta quarta-feira, 8, Marcelo Farias Teixeira, pai da adolescente, falou do momento que ocoreu o incêndio. Segundo ele, “a lareira não explodiu, e sim o tarro de álcool”, a explosão ocorreu no momento em que ele abriu o recepiente para abastecer a lareira.

Ainda, conforme o pai da menina, a primeira ação dele foi tentar apagar o fogo da filha, vendo que não conseguia levou ela até o chuveiro e em seguida voltou para ajudar os outros.

O filho menor, de 7 anos, a esposa e a sogra, ainda seguem internadas, mas estão bem.

Confira o vídeo com entrevista abaixo:

Fonte: In Foco RS

Quer fazer parte do grupo do Portal Acontece no RS no WhatsApp? CLIQUE AQUI para entrar no grupo!

Assim você fica sempre atualizado com as últimas notícias de todo o Rio Grande do Sul.

 

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.